Ligue agora

Mais de 40% das exportações brasileiras são realizadas por micro e pequenas empresas

29/06/20  |  Análise, Exportação, Sem categoria

 

Com o dólar em alta, e sua influência na economia mundial, a busca de novos mercados compradores se torna eficaz e positivo. Com um cenário muitas vezes saturado e necessitando expandir comercialmente, as negociações com o exterior representam um maior crescimento para as empresas.

E se você pensa que apenas grandes empresas podem exportar, hoje eu vim desmistificar isso, e te mostras que micro e pequenas empresas fazem sucesso exportando.

Exportações em 2019

No ano de 2019 um estudo desenvolvido pelo Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresa), resultou que mais de 40% das empresas que realizaram exportações brasileiras ao decorrer do ano foram micro e pequenas empresas. Os 40% representam 8 mil e 300 micros e pequenas empresas exportadoras.  A seguir, a imagem abaixo mostra a porcentagem e os setores dessas empresas:

Como podemos notar, as pequenas empresas do ramo Industrial são as que mais exportaram durante o ano que se passou. Enquanto, as pequenas empresas do setor de serviços foram as que menos exportaram. E em torno de 90% das 8 mil e 300 micro e pequenas empresas estão concentradas nos estados de: São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Paraná e Santa Catarina.

O estudo também relatou que os destinos mais exportados foram os países do Mercosul (Uruguai, Argentina, Paraguai, Venezuela e membros associados: Colômbia, Chile, Bolívia, Equador e Peru), Estados Unidos, Canadá e União Europeia e uma pequena presença do continente asiático e africano.

 

Exportações em 2020

Neste ano, como dito no post anterior, mesmo com o mundo inteiro enfrentando uma intensa diminuição dos níveis do comércio exterior por conta do covid-19, o Brasil continua a registrar alta nas exportações e é visto como uma exceção. Porém, o que muda é o destino. O país exporta mais para países da Ásia, do que, por exemplo, para os Estados Unidos e para o Canadá. A Ásia é o principal destino das exportações brasileiras atualmente no primeiro quadrimestre representaram um total de 45% das vendas do Brasil ao exterior.

Como dito, não são só grandes empresas que possuem sucesso com exportações, as micros e pequenas empresas também podem crescer ingressando no comércio internacional.  Exportando, a empresa tem acesso a outros mercados, o que gera um aumento natural das vendas e lucros. Sem contar que, o governo oferece incentivos fiscais para exportadores, o que possibilita reduzir consideravelmente os custos com impostos.

E você, já pensou em exportar os produtos da sua empresa para ter competitividade da empresa no mercado e, consequentemente, maximiza seus lucros?

 

E como nós podemos te ajudar?

Nó somos especialistas em processos de Exportação. Com mais de 18 anos de mercado, temos como foco realizar uma parceria sólida com segurança e confiabilidade entre todas as partes envolvidas nos trâmites de Comércio Internacional, fazendo com que as ambições de nossos clientes se tornem realidade. Entre em contato conosco clicando aqui e tire todas as suas dúvidas com quem é referência no mercado.